Arteterapia, corpo e símbolo

O corpo em quatro dimensões
27 de julho de 2016
Argila – Espelho da auto expressão
27 de julho de 2016

Arteterapia, corpo e símbolo

É no corpo que experienciamos a vida. Reich dizia que o corpo, lar de profundas memórias, é o inconsciente visível.  Ele se recorda de todos os momentos vividos – e essa sua memória, que de nada se esquece, é sempre muito viva e respondente.

Ora, se o Self engloba a totalidade do Ser (e, portanto, o corpo), a individuação apresenta necessariamente uma dimensão corpórea, e só pode ocorrer quando retornamos ao corpo.

As doenças (sintomas) são como mensagens que enviamos a nós mesmos, para que possamos nos curar; constituem um esforço do corpo para se curar. Uma doença serve para recolocar a pessoa no seu eixo, na busca de sua totalidade. Como assinala Leloup, “há aqueles que representam o papel que lhes é pedido, mas o Ser verdadeiro não está neles. Neste caso, ocorre uma espécie de mal-estar, que pode gerar uma doença”.

A doença não é um desvio no nosso caminho; pelo contrário, direciona a nossa vida para um caminho que levará a uma vida mais saudável e plena. E o corpo, como diz Jean-Yves Leloup, é um templo onde outros corpos mais sutis se abrigam: “quando você toca alguém, nunca toca só o corpo. Quer dizer, não esqueça que você toca uma pessoa e neste corpo está toda a memória de sua existência. E, mais profundamente, quando você toca um corpo, lembre-se que você toca um Sopro, que este Sopro é o sopro de uma pessoa com seus entraves e dificuldades e, também, é o grande Sopro do Universo. Assim, quando você toca um corpo, lembre-se que você toca um Templo”.

Ligia diniz

Facilitadora: Lígia Diniz

LÍGIA DINIZ –  Psicóloga (Universidade Santa Úrsula)  e Bacharel em Artes Cênicas (UNIRIO ) com pós-gradução em Psicologia Junguiana (IBMR). Formação em Análise Transacional, Biodança , Terapia de Casal e Constelação Familiar. Analista Junguiana.  Membro do IJRJ (Instituto Junguiano do RJ), da AJB (Associação  Junguiana do Brasil) e da IAAP (Internacional Association for Analytical Psychology). Facilitadora de SoulCollage .Arteterapeuta (AARJ 004) pela Clínica Pomar. Membro fundador e atual presidente da AARJ- Associação de Arteterapia do RJ . Membro do Conselho Diretor da UBAAT (União Braseleira de Associações de Arteterapia).  Coordenadora de curso de formação em Arteterapia desde 1997, atua na área clínica como analista junguiana e arteterapeuta. Articulista da revista “Imagens da Transformação”, é organizadora dos Cadernos da AARJ  “Estudos em Arteterapia”.  Autora dos capítulos  “O Resgate da Criança Interior” no livro  “Arteterapia em Revista”,  “Arte: Linguagem da Alma” no livro “Arteterapia, Arquétipos e Símbolos”,   “O alcance da Arteterapia aplicado em projetos sociais”  no livro “Envelhecimento e Vida Saudável e “Cuidar com Arte – A Arte de Cuidar” em “Arteterapia, um Cuidador da Psique “e”Organizadora do Livro “Mitos e Arquetipos na Arteterapia”e do Livro “Arteterapia e as Deusas”.

 

INSCREVA-SE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *