Arteterapia e Danças Circulares: Mitologia e Espiritualidade
20 de setembro de 2016

Arteterapia no trabalho com grupos

Neste  mini-curso, didático-experiencial,  estaremos  focalizando princípios
fundamentais que devem orientar o trabalho de Arteterapia  com grupos em
contextos  clínicos, institucionais e comunitários, focalizando a abordagem
fenomenológica que norteia a abordagem Gestáltica em Arteterapia.
Uma experiência grupal será proposta com o objetivo de explorar,  através da
Arteterapia,  as dimensões  tanto individuais   como  interdependentes de
nossas existências.
Aos participantes deste mini-curso  será dada uma orientação de como dirigir
suas intervenções e  propor experimentos a partir  do conhecimento sobre as
etapas da vida de um grupo e os  diferentes níveis sistêmicos presentes nos
processos grupais.
Um esquema com 9 passos na condução de dinâmicas grupais em Arteterapia será
vivenciado com vistas a poder ser aplicado posteriormente, pelos
participantes, em seus contextos de trabalho.

Bibliografia:  Ciornai, Selma (2016) Abordagem  Gestáltica no trabalho com
grupos . Capítulo 7 do livro  Modalidades de Intervenção Clínica em
Gestalt-terapia.  Summus Editorial, SP , pp 168-186.
SELMA CIORNAI – Fundadora (1989) e co-coordenadora dos cursos de  Formação
em Arteterapia do Inst. Sedes Sapientiae, SP e do  Inst. Da Família de POA.
Doutora em Psicologia Clínica pela Saybrook Univ, EUA/ validação USP) .
Mestre em Arteterapia  (California State University, 1980), recebeu o
título de ATR  (credenciamento da Ass. Americana de Arteterapia- AATA).
Membro fundador da AATESP e membro honorário da UBAAT e da SPAT (Sociedade
Portuguesa de Arteterapia). Gestalt-terapeuta, foi  pioneira na introdução
da abordagem gestáltica em Arteterapia no Brasil, coordenando grupos de
estudo nesta abordagem no Rio de Janeiro.  Colaborou como docente convidada
nos programas de formação em Arteterapia da  Univ .do Chile e da SPAT.
Autora e organizadora da série ” Percursos em Arteterapia,”  teve em 2016
dois  capítulos publicados em inglês na enciclopédia ” The Willey Handbook
of Art Therapy.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *